26 de dezembro de 2007

Adeus

Adeus minha querida vida, minha querida cama, meu querido quarto.

Adeus Sete de Setembro e 24 de Maio.

Adeus aos barulhos, conversas e som de carros.

Adeus fogos de artifício, adeus a tudo que é lindo, adeus àquele terraço.

Adeus pra todas as praças que eu podia ir a pé, uma do lado da outra.

Adeus em especial à Praça Rui Barbosa.

Adeus Shopping Estação, adeus Shopping Curitiba.

Adeus a tudo que é lindo e às minhas coisas queridas.

Pra Deus só deixo o lamento dessa hora derradeira.

Todas minhas alegrias que tive aqui um dia só ficarão na memória.

Eu vou sentir saudades de tudo que vivi aqui.

E espero, muito em breve poder voltar pro barulho, pras coisas e pras pessoas que nunca gostaram da idéia de eu ter que sair daqui.

2 comentários:

kaka disse...

Ferr...sei que vc não gosta muito de palavras otimistas ainda mais quando elas não correspondem ao seu estado de espírito do momento...mas mesmo assim..vou desejar...desejar que esse novo canto pra qual vc vai te acolha com muito carinho, e que lá vcs se encontrem, que vc seja feliz lá tanto quanto é hj no atual. Bem é isso, acredito ainda que dos males o menor, e a vida continua amiga. Eu vou te visitar..eheheh!!Bjão, fique bem!

jaihco disse...

palavras otimistas já ditas ali no outro comentario... entao eu soh quero dizer "po, terraço bacana né..." =\ mas vc ficará bem! e a dica é: colar sticker em ônibus tb vale! =D juizo muié! =*